Jornal O Interiorano - A verdade como referência - Fundador: João Victor da Silva - CNPJ: 13.513.199/0001-01 - Fone: (83) 8855-0110 - Sapé-Paraíba.

terça-feira, 27 de março de 2018

Radialista classifica como ‘delírio’ fake news que insinua conspiração da rádio contra gestão de AG em Mari

O radialista Marcos Sales, apresentador do Programa Liberdade de Expressão da Rádio Araçá FM classificou na manhã desta terça-feira (27) como ‘delírio’ a fake news publicada pelo Portal Umari a qual afirma que radialistas estariam se reunindo no interior da rádio Araçá para falar mal do prefeito e tramar contra a gestão de Antonio Gomes.
Para Sales a matéria além de ser fantasiosa expõe um delírio por parte de quem faz tal insinuação. “As críticas que faço a gestão de Antonio Gomes, faço publicamente e servem de alerta para que melhore o governo, tudo aqui é dito as claras, diferente de vocês que não tinham coragem de dizer ao governo que vocês defendiam onde ele errava, pelo contrário viviam aplaudindo as atrocidades feitas contra o povo”, disse.
Marcos Sales disse que não tem porque ser contra a algo que ele ajudou a construir, o projeto de governo diferente do que estava em Mari. “Eu tenho lado, não adianta esconder, como cidadão optei por esse projeto representado por Antonio Gomes, portanto não vejo razão de conspirar, isso não existe, na hora que eu entender que o projeto mudou sua essência eu digo as claras, tá bom não dá mais”, garantiu.
O radialista lembrou que foi assediado por deveras por mensageiros do então prefeito Marcos Martins para aderir a seu grupo, mas que resistiu e não ‘se entregou’. “Se tivesse aderido estaria muito melhor do que vocês que andam falando besteira”, ironizou.
Marcos Sales criticou ouvintes que tentam pressioná-lo com insinuações de que seria anti ético o veículo de comunicação ao qual o mesmo é diretor ter contratado com a prefeitura. “Não há crime em contratar um serviço com a prefeitura, tanto não o é que na gestão do ex prefeito Marcos Martins nós contratamos, basta olhar o sagres, nós temos um produto e a quem interessar contratar estamos abertos, mas isso não quer dizer que estamos vendendo opinião”, esclareceu.
A matéria publicada pelo portal Umari é uma verdadeira fake news, segundo o radialista, já que em nada condiz com a realidade dos fatos.

Da Redação 
Do ExpressoPB 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário