Jornal O Interiorano - A verdade como referência - Fundador: João Victor da Silva - CNPJ: 13.513.199/0001-01 - Fone: (83) 8855-0110 - Sapé-Paraíba.

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Blog de WS aponta desafios de

 Gervásio e condiciona possível

 candidatura em 2018

Segundo WS, o posto de candidato ao Governo em 2018 depende de sua performance na ALPB

Créditos: Reprodução / WEB
O novo texto no Blog de Walter Santos desta segunda-feira (30), aponta os desafios do novo pŕesidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Gervásio Maia e condiciona para uma possivel candidatura ao Governo do Estado, pelo PSB, em 2018.
Segundo Walter, o posto de candidato ao Governo em 2018 depende de sua performance na ALPB.
Leia a íntegra do texto
Gervásio Maia: o primeiro Grande Desafio, a marca e a sucessão de 2018
A retomada das atividades legislativas no Estado da Paraiba para a maioria dos 36 deputados se trata de norma legal prevista dentro da institucionalidade. Não o é para o deputado estadual Gervásio Maia, futuro novo presidente da Assembleia Legislativa porque, dependendo de sua performance, pode até galgar o posto de candidato ao Governo em 2018.
Tudo vai depender dele, essencialmente.
PERFIL E CONJUNTURA
Gervásio Maia está diante de um desafio singular porque mexe com muitos valores a um só tempo e assim o testará, sobretudo, acerca de sua habilidade como Gestor e Executivo.
Ele chega numa fase de depressão orçamentária, logo afetando para baixo o volume de recursos tendo que conviver com o teto referente a Pessoal extrapolando a LRF diante de demandas, que como Unha, você corta mas ela volta a crescer.
O futuro presidente tem pedigree. É filho de um Politico austero, Gervásio Pai, como fora seu avô, governador João Agripino Filho, da mesma forma seu tio governador Antonio Marques da Silva Mariz, entre outros.
Esta herança reluz, mas ao mesmo tempo é um peso de guindaste moral, em especial nesta fase da vida democrática do Brasil diante de tantos escândalos a atingir moralmente a classe politica.
O ALIADO RICARDO COUTINHO
Embora os Poderes sejam autônomos, mas chegar até aqui só foi possivel por conta de acordo politico com o governador, que já lá atrás vislimbrou Gervásio como alternativa à sucessão de 2018.
E é exatamente este contexto de futuro que servirá de maior parâmetro na sua curta vida politica porque está selada a sorte ou saldo da gestão em si.
Se souber fazer e dar conta do recado poderá seguir o caminho de outros ousados lideres da Familia, embora o fator mais importante seja de gestão mesmo.
Esta é a sintese do momento em direção ao futuro. 
Da Redação C/WSCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário