Jornal O Interiorano - A verdade como referência - Fundador: João Victor da Silva - CNPJ: 13.513.199/0001-01 - Fone: (83) 8855-0110 - Sapé-Paraíba.

sábado, 22 de julho de 2017

Iracilda Gonçalves: orgulho de ser sapeense
Mestra em Ciências das Religiões vai expor suas obras na “I Noite dos Artistas” em Sapé


Em Sapé, ela vai lançar dois

livros: "Novas Religiões

Mediúnicas" e Suicídio: 

Prevenção, Pósvenção e

Direito à Vida; além disso,

poderá expor outros 

trabalhos escritos ao

longo de sua brilhante carreira

literária.


Seu nome é extenso: Iracilda Cavalcante de Freitas Gonçalves, sua capacidade também. Professora vinculada à Secretaria da Educação do Estado da Paraíba. Graduada em Letras pela Universidade Federal da Paraíba(UFPB). Mestra (2004) em Letras pelo Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL/UFPB), e Mestra em Ciências das Religiões, pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências das Religiões(PPGCR/UFPB); Doutora (2011) em Letras pelo PPGL/UFPB. Pós-Doutorado(2015) pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência da Religião(PPCIR) da Universidade Federal de Juiz de Fora- UFJF. Doutoranda pelo PPGCR/UFPB com o tema ‘SUICÍDIO e ESPIRITISMO. Pesquisadora e Escritora. Membro do Grupo de Pesquisa Raízes, CNPQ/PPGCR; membro do Grupo de Estudos Psicanálise e Suicídio GEPS, e membro-fundadora do Núcleo de Estudos, Prevenção e Posvenção do Suicídio(NEPPS). Possui ainda, formação profissional em Emoterapia e Reiki (Método Usai).

Iracilda Gonçalves estará em Sapé, por ocasião da “Noite dos Artistas”, momento em que, depois do lançamento de sua mais recente obra em JP, relançará na terra de Augusto dos Anjos, os livros: Novas Religiões Mediúnicas e Suicídio-Prevenção, Pósvenção e Direto à Vida.
Iracilda deverá também, nesse momento, expor obras mais antigas como: Psicografia: Verdade ou Fé? /Na Discursivização de nosso lar: as verdades do espiritismo e Religiões Afro-Brasileiras e Espiritismo.


“Sou sapeense. Não poderia deixar de participar desse grande encontro chamado de Noite dos Artistas. Irei sim, com muito prazer". Foi o que garantiu a escritora Iracilda Gonçalves. 


Da redação
do Interiorano


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário