Jornal O Interiorano - A verdade como referência - Fundador: João Victor da Silva - CNPJ: 13.513.199/0001-01 - Fone: (83) 8855-0110 - Sapé-Paraíba.

terça-feira, 18 de julho de 2017

Em recado para Cartaxo, Romero Rodrigues diz que “só há crescimento e consolidação no seu nome”


Em recado para Cartaxo, Romero Rodrigues diz que “só há crescimento e consolidação no seu nome”
 A disputa interna das oposições pela cabeça da chapa majoritária em 2018, entre o prefeito de Campina Grande Romero Rodrigues (PSDB), e o prefeito de João Pessoa Luciano Cartaxo (PSD), ganha novos elementos cada dia. Na semana passada o vice-prefeito pessoense Manoel Júnior (PMDB) afirmou na TV Itararé que eleitoralmente pode não ser conveniente estarem o prefeito Romero e o senador Cássio, simultaneamente, na chapa majoritária das oposições.

Em entrevista a imprensa campinense, Romero Rodrigues reagiu e frisou que “a democracia é isso. Todo mundo pode raciocinar do jeito que quiser”.

Pavimentando estradas para o Palácio da Redenção, Romero garantiu que desde fevereiro último, quando o seu nome passou a ser citado como provável candidato ao Governo do Estado em 2018, percebeu um processo de crescimento e consolidação do projeto das oposições, particularmente do PSDB de chegar ao poder.

“A partir de fevereiro último, quando eu disse que o meu nome estava à disposição do partido, só há crescimento e consolidação do meu nome. Onde ando as pessoas estão espontaneamente manifestando a pretensão de votar conosco. Estão me estimulando”, acrescentou Romero.

O prefeito de Campina Grande também comentou sobre a possibilidade do deputado federal, Pedro Cunha Lima (PSDB), compor a chapa com ele nas eleições estaduais de 2018.

O tucano afirmou que especular sobre uma possível chapa ainda é precipitado.

– Acho que é muito cedo para definir chapa. Pedro é nome para estar no Senado, como governador, ou qualquer outra função. Nós estamos definindo teses. As teses que tenho defendido é colocar meu nome á disposição. É legítima a colocação de Pedro, do senador Cássio, mas falta muito tempo para discutirmos isso – declarou.


PB Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário