Jornal O Interiorano - A verdade como referência - Fundador: João Victor da Silva - CNPJ: 13.513.199/0001-01 - Fone: (83) 8855-0110 - Sapé-Paraíba.

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Ex-vereador Oton Barbosa Gomes é homenageado na cidade de Sapé


“Ele é um homem inesquecível”. A frase é minha(João Victor), o mérito é dele. Isso porque, em sua história, deu sinais e provas de seu contributo para com o povo sapeense, seja como homem público, seja como cidadão comum. Ele avançou no tempo com sua educação, sua gentileza, seu patriotismo e suas relações com os mais humildes e também com os mais destacados homens de seu tempo. Oton Barbosa Gomes ou OBG, como costuma assinar, é original no que fez e faz.

Essa é uma pequena ilustração ou saudação minha, antes de falar sobre o importante e simples tributo que lhe foi conferido recentemente na cidade de Sapé, através de pessoas que não o esqueceu. Sua neta Renata Thais, através de um documentário, tenta trazer à tona a história vida de um homem que realmente precisa ser lembrado.
Oton Barbosa foi diretor do CSU – Centro Social Urbano de Sapé, foi vereador e ocupou outros cargos de suma importância em tempos difíceis, mas ele deu conta do recado, cumpriu sua missão e se notabilizou.
A homenagem a Oton Barbosa aconteceu na última sexta-feira, 26/05, na antiga clínica do Dr. João Carneiro, no Centro de Sapé, através da Secretaria Municipal de Educação e escola de Artes deste município. O projeto da secretaria de Cultura (Cine Clube) deu-se através do Edital 005/2017, que contemplou, além de Oton Barbosa, o músico Ivan Martins,

Um pouco sobre OTON BARBOSA:

Oton Barbosa Gomes nasceu em Cachoeira, foi vereador e presidente da Câmara Municipal de Sapé, em 1963; foi o fundador do distrito de Renascença; diretor do Centro Social Urbano;  exerceu outros cargos na esfera municipal de Sapé.

Em seu livro “O processo histórico de Sapé”, Juraci Marques Ferreira cita Oton Barbosa: “Dado o seu idealismo em favor da sua localidade, já nas eleições de 1963, Oton foi eleito vereador, como representante de Renascença. Sua atuação junto a Câmara Municipal de Sapé levou-o a ser presidente daquela Casa Legislativa, bem assim, com sua influência política conseguiu da administração municipal as obras públicas essenciais para o progresso de sua comunidade. Assim é que ali, entre outras coisas, abriu alinhamentos para as ruas, trouxe o primeiro abastecimento d’água, construiu o prédio próprio da escola e em 01 de dezembro de 1967, quando presidente das Câmara, juntamente com o prefeito à época, deu por inaugurada a primeira empresa de energia elétrica do lugarejo”.
Ainda em seu livro Juraci Marques, mais adiante, diz: "Por tudo que ele fez, especialmente como homem público, com justiça, jamais deverá ser esquecido pelos seus verdadeiros conterrâneos".

Da redação
do Interiorano
Crédito: João Victor

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário