Jornal O Interiorano - A verdade como referência - Fundador: João Victor da Silva - CNPJ: 13.513.199/0001-01 - Fone: (83) 8855-0110 - Sapé-Paraíba.

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Votos brancos superam Bolsonaro

Votos brancos superam Bolsonaro
Candidato à Presidência da Câmara dos Deputados, Jair Bolsonaro (PSC-RJ) obteve na tarde desta quinta-feira (2) menos votos que os votos em branco na eleição para escolher o próximo presidente da Casa. O parlamentar recebeu 4 votos enquanto os votos em branco somaram 5.

Os votos de Jair Bolsonaro equivalem a menos 1% da composição da Câmara, que possui 513 deputados. O PSC, partido de Bolsonaro, tem 9 parlamentares em exercício na Câmara Federal. Como a votação foi secreta, Bolsonaro não conseguiu saber quais foram os deputados que o traíram na eleição. O atual líder do governo de Michel Temer na Câmara, deputado André Moura, integra o PSC, partido de Bolsonaro. Mas o Planalto decidiu apoiar Rodrigo Maia (DEM-RJ), reeleito com 293 votos.

Potencial candidato à Presidência da República em 2018, Jair Bolsonaro teve menos votos que a deputada Luiza Erundina (Psol-SP), que também lançou candidatura sem compor bloco de partidos para apoiá-la e recebeu 10 votos, sendo que a bancada federal do Psol é de 6 deputados.

Ao pedir votos dos deputados, no início da tarde desta quinta-feira (2), Bolsonaro defendeu o desarmamento da população, chamou de heróis os parlamentares que integram a bancada ruralista no Congresso e atacou ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) que vêm defendendo que o debate público sobre a descriminalização das drogas. O deputado defendeu a transferência do poder de fazer concessões de terras ao agronegócio da Funai (Fundação Nacional do Índio) para a Câmara. “A bancada ruralista tem que ter um presidente que tenha compromisso com eles. Sem agronegócio estamos falidos".

Na eleição, o deputado Jovair Arantes (PTB-GO) obteve 105 votos. Já André Figueiredo (PDT-CE) teve 59 votos. o deputado Júlio Delgado (PSB-MG) recebeu 28 votos.


Com Jornal do Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário