Jornal O Interiorano - A verdade como referência - Fundador: João Victor da Silva - CNPJ: 13.513.199/0001-01 - Fone: (83) 8855-0110 - Sapé-Paraíba.

sábado, 20 de fevereiro de 2016

NO "DIA D" de Combate ao mosquito da Dengue:
Secretaria de Saúde de Sapé promove encontro com ACS/ACE para definir metas de combates ao Aedes Aegypti
 
A Prefeitura do Município de Sapé, através da Secretaria de Municipal de Saúde, realizou na manhã dessa sexta-feira (18), um encontro multisetorial com ACS e ACE para definir estratégias e ações de enfrentamento ao mosquito Aedes Aegypti. O encontro foi realizado na Câmara Municipal e contou com a participação de representantes de Sindicatos, agentes de saúde, professores e a sociedade em geral.
Durante o encontro foram apresentadas diversas propostas para diminuição do índice de infestação pelo mosquito e impedir a proliferação das doenças causadas pelo vetor.
De acordo com a Secretária Municipal da Saúde, Geminiano Limeira, não existe casos comprovados de dengue, Zica Vírus e Microcefalia no município, com raras exceções de casos isolados de uma criança, inclusive nascida na capital paraibana.
Geminiano destacou ainda que, a Secretaria Municipal da Saúde se prontifica a dar o apoio necessário aos ACS (Agentes Comunitários de Saúde) para que os mesmos possam atuar de forma mais efetiva, junto com os Agentes de Combate a Endemias, na ação de educação casa a casa, bairro a bairro.
Falando aos presentes, o secretário Geminiano considerou de grande importância o serviço do ACM. “É imprescindível para a saúde da população”, pontuou. O secretário conclamou aos agente para se unirem em época de crise e epidemias e garantiu que houve apenas dois casos de dengue na cidade. “O que aconteceu não foram casos de dengue, mas notificações. Nada, portanto, está fora do nosso controle. Não há caso de microcefalia, o que houve foi um caso de uma criança nascida em João Pessoa”, disse Geminiano.
Outros assuntos:
Na presença da grande plateia, do presidente do Sindicato dos Agentes de Endemias

 Severino dos Santos, e do coordenador de vigilância ambiental Wellington Andrade dos Santos, o secretário Geminiano também enfocou outros pontos, a exemplo do terço de férias dos agentes comunitários de saúde a ser pago em março; de projetos de lei que deveriam ser encaminhados à Casa de Augusto dos Anjos, entre outros.

Já o coordenador de vigilância ambiental Wellington Andrade, em suas considerações ao público, disse que em Sapé há um baixo índice da dengue, mas que o objetivo é zerar. “Faremos arrastões dentro de determinadas áreas e até junho deste ano intensificaremos o trabalho de combate à dengue. Juntos somos mais fortes”, disse o coordenador.
Logo após o encontro foi servido um lanche a todos os agentes de saúde e demais pessoas presentes.
Da redação do Interiorano

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário