Jornal O Interiorano - A verdade como referência - Fundador: João Victor da Silva - CNPJ: 13.513.199/0001-01 - Fone: (83) 8855-0110 - Sapé-Paraíba.

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Vereadora Cibele definirá seu futuro político no mês de março. Saída no PSD é quase certa.

Umas das mais promissoras figuras da política sapeense, a vereadora Cibele Cabral da Silva(PSD), está mesmo preste a tomar uma grande decisão em sua vida pública. Autora de matérias importantes na Casa de Augusto dos Anjos, dona de uma oratória digna do rol dos grandes nomes da política estadual, a vereadora elegeu-se em 2012 pelo PSD, sigla comandada à época pelo vereador Walter Serrano Machado Filho.
Desde que assumiu o mandato a nobre parlamentar vem apresentando matérias importantes para os munícipes: Implantação de um Campus da UEPB; instalação de um braço da FUNAD em seu município; aproveitamento de materiais recicláveis; revitalização da mata ciliar às margens do Rio Cuieira (que abastece Sapé e mais seis municípios); construção de um portal de entrada para a cidade; Revitalização e manutenção das fontes de água do município, entre muitas outras. Entre os muitos requerimentos, destaque para o pedido de reforma do Mercado Público, aquisição de um carro frigorífico para o matadouro municipal e calçamento de mais de 30 artérias públicas. A vereadora também tem se destacado como a parlamentar que mais realizou eventos sócio-culturais e que mais comemorou datas festivas como Dia das Mães, Dia Internacional da Mulher e outras datas comemorativas, como lançamentos de livros, festivais e eventos de arte e cultura do município de Sapé.
Logo após o carnaval, a vereadora informará aos eleitores, amigos e à imprensa os reais motivos de sua saída do PSD, se disputará a reeleição e em qual legenda se filiará.
Convidada para compor chapa majoritária, no ano passado, por um dos quadros da oposição ao governo de Roberto Feliciano, a vereadora Cibele Cabral ainda não definiu se topará a nova empreitada ou se disputará a reeleição de vereadora, ou até mesmo se continuará na vida pública. Sempre que é abordada sobre sua vida política ela resume: “o futuro pertence a Deus. E certamente, da mesma maneira que Ele definiu, em 2012, que eu seria vereadora, Ele vai definir se continuo da política ou não”.

Cibele, que é evangélica, também adiantou que tem recebido o incentivo para continuar na política, até mesmo de gente que não votou nela no pleito passado, mas que, toda decisão tem que passar primeiramente pelo Senhor do Universo.

Da redação
do Interiorano

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário