Jornal O Interiorano - A verdade como referência - Fundador: João Victor da Silva - CNPJ: 13.513.199/0001-01 - Fone: (83) 8855-0110 - Sapé-Paraíba.

terça-feira, 22 de abril de 2014

NA SEMANA SANTA:


Prefeitura de Cruz do Espirito Santo 
entregou  peixes e arroz a famílias carentes

terça-feira, 22 de abril de 2014

Além do tradicional pescado, a prefeitura também entregou arroz, como complemento alimentar
Foram distribuídas 18 toneladas de pescado
O prefeito Pedrito conferiu a quantidade e a qualidade do pescado
 A Prefeitura de Cruz do Espírito Santo , através da Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social, fez  a entrega do peixe da Semana Santa. A distribuição foi realizada em dois dias. Na quarta-feira (16)  de cinzas receberam as famílias das comunidades da zona rural; já na quinta santa (17), foi a vez dos moradores da área urbana. O prefeito Pedro Gomes Pereira ou Pedrito Pedrito visitou alguns locais de entrega do peixe para conferir de perto a doação do pescado. “Essa tradição de comer peixe é secular, mesmo em meio a uma crise por que passam as prefeituras, garantimos a alimentação para que todos tenham uma páscoa feliz”, salientou Pedrito, que vem desenvolvendo um governo voltado para os mais necessitados de Cruz do Espírito Santo. Assim como no ano passado a prefeitura entregou para cada família um quilo e meio de peixe e um quilo de arroz. No total foram distribuídas 18 toneladas de pescada e 12 toneladas de arroz, beneficiando 12 mil famílias carentes, em todas as comunidades do município . Os contemplados foram os cadastrados em programas sociais e famílias  do município. Uma das beneficiadas,  dona Maria Da Penha , moradora de Massangana I, que pelo segundo ano recebeu o kit, disse com alegria:  “Essa entrega tá sendo muito boa. O prefeito tá trabalhando pra todo mundo, né? To adorando por que a gente já fica contando com o peixe e o arroz”. A secretária municipal de Trabalho e Assistência Social, Germana Machado, garantiu a qualidade dos alimentos distribuídos. “Estamos entregando produtos de primeira linha e com um custo mais baixo. A população está muito satisfeita pela economia que vai fazer na hora de comprar os itens do almoço e jantar da Semana Santa”, afirmou, na ocasião.

Da redação
com assessoria de comunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poste aqui seu comentário